Matérias

[matéria][bigposts]

Entrevistas

[entrevista][bigposts]

Blog Moda Sertanejo

[blogdarádio][twocolumns]

Maiara & Maraisa falam sobre o luto após a morte de Marília Mendonça: “Exausta emocionalmente”


Irmãs revelaram como estão lidando com a perda da parceira e amiga

Maiara & Maraisa contaram como estão lidando com a morte da amiga e parceria profissional, Marília Mendonça.

Em entrevista exclusiva para a Quem, as irmãs revelaram que Mendonça estava vivendo uma fase bastante ativa no trabalho. As sertanejas haviam acabado de lançar o EP “Patroas 35%” e estavam se preparando para a turnê do projeto.

“Ela sempre falava: ‘Esse é o projeto da minha vida’. E eu falo que não é, porque não é possível que ela não pode estar com a gente para fazer ele acontecer juntas. Eu começo a me questionar, falando que ela tinha que viver mais. E se for pensar, parece que ela estava preparando tudo. A Marília estava em uma fase super ativa, na melhor fase da vida dela, cuidando de tudo. Ela nunca foi de ir ao escritório. Ela estava indo em reunião três vezes por semana. Ela falava o tempo inteiro nos grupos. Não deixava ninguém dormir direito”, declarou Maraisa.

Maraisa afirmou que não tem conseguido dormir após a morte de Marília e sobre uma pausa na carreira com a irmã.

“A noite e a madrugada são piores. A gente fica pensando em tantas coisas. Eu ainda acordo e me pergunto se é sério e se estamos vivendo isso mesmo. Parece que a gente não está vivendo isso. Eu fico o tempo todo pensando se tiramos um tempo para nós. Mas acho que se fizermos isso, nós vamos ficar mal mesmo. As minhas malas só tem look de show e pijama. Quando não estou no palco, estou dormindo ou chorando. Estou cansada, exausta emocionalmente”, relatou.

“Você pensa em parar tudo, mas eu vi que as pessoas esperam que a gente honre ela até o fim. E ela fez tudo para gente honrá-la até o fim. São os nossos amigos, o escritório, os amigos dela, a família. Eu comecei a inverter as coisas e pensar se fosse ela que estivesse fazendo por mim. Eu ia ficar muito decepcionada se ela ficasse só dentro de um quarto, sem fazer nada e deixasse pessoas que não conhecem nada sobre mim ficarem falando sobre a minha memória”, explicou a artista.

Uma semana após o acidente da rainha da sofrência, a dupla se propôs a substituir a cantora em um de seus shows já agendados.

“O show que fizemos em Lorena foi inteiro dedicado a ela. Quando propuseram que nós a substituísse, pensamos em fazer essa homenagem. Ela escolheu a gente e nós escolhemos ela. E a nossa relação estava, cada vez mais, intensa e estreita. A última vez que nós fomos para o Rio curtimos uma balada juntas. Ela estava feliz da vida, no melhor momento pessoal dela”, relembrou Maiara.

Maiara vê na religião e nos fãs a fonte de força para enfrentar esse momento. “Somos católicas. Nossa força vem primeiramente de Deus, que a nossa fé é algo inabalável. Eu e a Maraisa temos 33 anos, mas desde os 4 anos, cantamos e já passamos por muitas coisas. Também vem do nosso público, que nos manda muita energia positiva”, expôs.



 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

[Resenhamusical][twocolumns]