Matérias

[matéria][bigposts]

Entrevistas

[entrevista][bigposts]

Blog Moda Sertanejo

[blogdarádio][twocolumns]

Bruninho e Davi revelam medidas de proteção tomadas na gravação de novo álbum


Em entrevista ao Movimento CountryBruninho e Davi falaram sobre a pandemia e a expectativa para o retorno dos shows presenciais

dupla Bruninho e Davi revelou uma parceria que promete com o cantor Gustavo Mioto. Ao contar detalhes sobre o projeto do novo álbum "Violada na Varanda", os artistas revelaram as medidas que foram tomadas devido à pandemia em uma entrevista exclusiva ao Movimento Country, já que diversas gravações geraram severas críticas aos artistas, como foi o caso mais recentemente, dos irmãos Henrique e Juliano.

Sobre o momento em que o projeto foi organizado, Davi afirmou: "4 de julho já tava rolando uma melhora nos indicadores da pandemia. E a gente fez em um momento e em um lugar dentro da capacidade do estabelecimento. Todos estavam sentados e com fiscalização a cada quatro mesas." 

Além disso, embora alguns sertanejos venham investindo em turnê internacional para driblarem a falta de shows, a dupla declarou como pretende realizar os futuros trabalhos: "Eu acho que daqui pra frente a gente vai ter que se adaptar a esse formato, até os órgãos de vigilância, o Ministério da Saúde ou a Secretaria de Saúde de cada município ou estado elas vão ditar as regras. Por exemplo, se lá em Campo Grande estiver em um formato a gente vai tocar, se aqui em São Paulo estiver em outro a gente vai tocar, onde estiver liberado a gente vai tocar.", revelou Davi, que teve o consentimento de Bruninho.

Ainda durante o papo descontraído sobre o lançamento de "Faz Justiça", sendo esse o primeiro single do álbum, os músicos falaram sobre os preparativos para um volta concreta aos palcos. "Eu tô com a expectativa boa, () a gente já está se preparando para uma volta consistente, então a gente está fazendo o repertório, pensando em cenário e na entrega mesmo", explicou Davi.

Em relação ao momento da pandemia em que estamos, o cantor relatou se sentir mais aliviado com o avanço da vacinação, cenário diferente do que o do ano passado. "E eu vejo hoje uma luz no fim do túnel, coisa que no ano passado por exemplo, nessa mesma data do ano passado a gente não via, não tinha essa expectativa e a vacinação trouxe essa luz no fim do túnel graças a Deus", concluiu Davi.

Bruninho e Davi lançam parceria com Gustavo Mioto


Em parceria com Gustavo Mioto, a dupla Bruninho e Davi lança "Faz Justiça", primeiro single do álbum "Violada na Varanda", que contará ainda com mais cinco canções inéditas, duas regravações e as participações de Clayton e Romário e de Marco Antônio e Gabriel. A música sertaneja de apresentação do projeto, que teve teaser EXCLUSIVO lançado pelo Movimento Country, chegou a todos aplicativos de música na última quinta-feira (5 de agosto), às 21h, enquanto o clipe foi disponibilizado a partir das 11h de sexta-feira, 6 de agosto.  Em uma pegada animada, "Faz Justiça" lembra o melhor da sofrência, com muita identificação.

"´Faz Justiça é a cara da violada, é um batidão sul-mato grossense raiz. Quando a escutamos pela primeira vez, na hora já ouvimos na cabeça a voz do Gustavo. Acho que também pelo estilo que ele canta, por ser de Votuporanga, próximo ao Mato Grosso do Sul, e pela sua intimidade com esse batidão. Quando fizemos o convite para o Gustavo ele aceitou na hora. Temos uma ótima relação com ele e a sua família, já dividimos palco inúmeras vezes e sempre nos mantivemos muito próximos. Então, essa parceria fluiu muito naturalmente", conta Davi.

Gravada na varanda do Parque Estaiada, em São Paulo, a label "Violada" traz oito faixas, sendo seis inéditas e as regravações de "Cê que sabe", eternizada na voz do Cristiano Araújo, e um pot-pourri de "Pra lembrar de mim/Curtição", sucessos nas vozes de Luan Santana e João Bosco e Vinícius, respectivamente. Além disso, o álbum também terá três participações especiais: Gustavo Mioto, na faixa de trabalho "Faz Justiça", Clayton e Romário, na música "Nem com reza", e de Marco Antônio e Gabriel, na canção "Solteirei".

"A Violada´ é o projeto mais intimista nosso no qual trabalhamos muito a nostalgia do público. Trouxemos um repertório selecionado minuciosamente  que relembra a fase de ouro do sertanejo universitário, de 2005 a 2013. Desde 2017, estamos gravando alguns projetos deste momento, com músicas inéditas e regravações, que temos o intuito de exaltar", relembra o cantor.

"Nesta última, trouxemos como parceiros, além do Gustavo, as duplas Clayton e Romário e Marco Antônio e Gabriel. O Clayton e Romário são incríveis, já têm essa pegada de violada, de um formato mais acústico, são muito talentosos. A faixa Nem com Reza´ ficou incrível na voz deles. O Marco Antônio e Gabriel já são amigos nossos de muito tempo e a gente também gosta demais do trabalho deles. O Bruninho é produtor do disco deles e também quisemos chamá-los para que a Violada´ fosse uma vitrine bacana para a dupla. Para mim, a faixa Solteirei´ é uma das mais legais do repertório. A voz dos meninos tem muita autenticidade,  o que agregou muito na música", completa Davi.

A partir deste primeiro lançamento, as próximas canções serão lançadas às quintas-feiras, sempre às 21h, com direito ao vídeo gravado com presença de público. Na próxima semana, será divulgada a faixa "Vem de golpe que eu vou de vítima".




 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

[Resenhamusical][twocolumns]